40 anos de história acadêmica na Educação Física e no Esporte

O programa de Pós-graduação da Escola de Educação Física e Esporte da USP, o primeiro instituído na América Latina, teve seu início em março de 1977, com a criação de um curso de mestrado na área de Educação Física, destinado à capacitação de docentes para o ensino superior e ao desenvolvimento de conhecimentos na área, por meio da qualificação para a pesquisa. No ano de 1989, foi criado o curso de doutorado em Educação Física, também pioneiro na América Latina, que ampliou o foco do Programa na produção de conhecimentos científicos inovadores. Ao longo da sua trajetória, o Programa de Pós-Graduação sempre foi considerado o melhor no país de acordo com a avaliação da CAPES e, desde 2013, possui o conceito 7 (nota máxima). Esse conceito não só demonstra a importância nacional do Programa, mas reflete seu elevado grau de internacionalização, revelado por importantes parcerias acadêmicas e científicas com instituições de diversos países.

Em 2013, o Programa empreendeu uma importante reestruturação, passando a ter o nome de Pós-Graduação em Educação Física e Esporte e englobando duas importantes áreas de concentração: “Estudos Biodinâmicos da Educação Física e Esporte” e “Estudos Socioculturais e Comportamentais da Educação Física e Esporte”. Dessa maneira, desde sua criação até os dias atuais, o Programa, através de seus cursos de pós-graduação stricto-senso, mestrado e doutorado, desenvolve atividades com o objetivo de aperfeiçoar a formação de graduados, estimulando a pesquisa científica, promovendo o ensino e contribuindo de forma expressiva para a evolução do conhecimento na área de educação física e esporte.

A importância, o papel multiplicador e a positiva influência deste Programa de pós-graduação para a concretização da Educação Física como área acadêmica e científica são aspectos indiscutíveis. Após 40 anos do início do mestrado, o Programa atingiu seus objetivos de preparação competente de recursos humanos em nível de pós-graduação, tendo formado até 2016, 538 mestres e 170 doutores. Seus egressos assumem cargos relevantes nas universidades e demais órgãos acadêmicos e científicos do país. A produção científica derivada das dissertações e teses concluídas é numerosa e qualificada, reconhecida internacionalmente e contribui efetivamente para o avanço do conhecimento na área.

Dessa forma, fica evidente a real contribuição do programa para a Universidade e a Sociedade brasileira com relação ao retorno que o Programa garante para a concretização da área de estudo e o pensamento crítico através da capacitação de docentes e pesquisadores para atuarem no ensino superior, bem como no sistema nacional de Ciência & Tecnologia.


Veja, abaixo, fotos do Seminário inaugural da Pós-Graduação – 40 anos do Programa de Pós-Graduação da EEFEUSP, realizado dia 24/3/2017

Este slideshow necessita de JavaScript.